Você ronca? Veja como saber!

Algumas pessoas acham o ronco algo engraçado, outras nem tanto. Algumas consideram extremamente desconfortável, pois dificulta a respiração durante o sono, além do terrível barulho que pode ser muito alto.

Muitas são as causas do ronco, e é importante descobrir se você sofre disso. Para descobrir, você pode perguntar ao seu parceiro ou qualquer outra pessoa que já tenha dormido com você, também pode usar programas e aplicativos que possibilitam essa descoberta! Depois de detectar o problema, é hora de descobrir o que ele é, suas causas e os tratamentos ideais, e é exatamente disso que vamos falar a seguir!

O que é o ronco?

O ronco até pode ser considerado algo normal, principalmente se a posição da pessoa, enquanto dorme, é de costas, pois isso facilita na flacidez da garganta e língua, o que estimula o ronco.

Ronco

Ronco. Imagem:divulgação

Ele nada é mais do que um ruído causado pelo estreitamento das vias respiratórias superiores, que faz com que a passagem do ar seja bloqueada e dificultada, provocando assim o ronco.

Causas do ronco

Diversas podem ser as causas do ronco, é importante conhecê-las para localizar qual pode ser o motivo do SEU ronco, conheça as principais causas:

* Obesidade: A obesidade afeta grande parte da população brasileira, e é muito comum ser uma das principais causadoras do ronco;

* Desvio de septo: O desvio de septo também atinge muitas pessoas, e geralmente é causado por uma forte batida. Ele estreita as vias respiratórias, fazendo com que a respiração seja dificultada e o ronco mais recorrente;

* Amígdalas crescidas: Outra causa muito recorrente do ronco são o problema nas amígdalas, que também dificulta a passagem do ar e resulte nesses ruídos;

* Beber em excesso: A bebida em excesso também é uma das principais causadoras do ronco, juntamente com o consumo do cigarro e comer muito antes de ir para a cama.

Outras principais causas do ronco

Além das diversas causas citadas anteriormente, existem muitos outros quadros que podem causar o ronco. O ronco é considerado super desconfortável e chato, além de atrapalhar na qualidade de sono, mas é importante descobrir a causa para conseguir tratar.

Ronco

Ronco. Imagem:divulgação

Conheça algumas delas:

* Pólipos no nariz;

* Rinite;

* Sinusite;

* Apneia do sono;

* Envelhecimento;

* Sedentarismo;

* Adenoides;

* Entre outras.

É super importante ressaltar que o ronco em si não traz nenhum perigo para a saúde, mas as causas dele pode trazer, e por isso é importante procurar descobrir!

Tratamentos para o ronco

Não tem como tratar o ronco sozinha sem antes saber a causa, pois existem quadros que não podemos reverter sem a orientação de um médico, como o desvio de septo. O tratamento para o ronco, basicamente, consiste em evitar dormir com a barriga virada para cima, emagrecer, praticar exercícios e suspender o consumo do álcool e cigarro.

Procurar um médico é importante pois ele pode também ajudar no combate ao ronco, com medicamentos relaxantes e calmantes. É importante tratar com um médico especializado em todos os casos de problemas otorrinolaringológicos.

Não perca o foco do combate à obesidade, pois ela é a principal causadora do ronco no Brasil, e pode ser a sua grande inimiga nesse processo também!

Recomendados para você: